Segurança e Responsabilidade “Cadeirinhas”

30 de jan de 2018
Levar o filho para escola, ir à pediatra, passear no shopping, viajar… Até aí tudo bem, mas você já parou para pensar que esses atos precisam ser feitos com segurança e responsabilidade? O uso da cadeirinha de carro é essencial para que esses passeios não se tornem um problema.more Segundo informações do DETRAN (Departamento de Trânsito do Paraná), a existência das cadeiras de segurança, tem como objetivo manter as crianças seguramente fixas no banco do veículo e reduzir a incidência e gravidade que a força do impacto gera no corpo humano em colisões, freadas bruscas e violentas, capotamentos, etc. A obrigatoriedade das cadeirinhas para transporte de crianças de até sete anos de idade em veículos particulares começou em setembro de 2010. A norma, elaborada pelo CONTRAN Conselho Nacional de Trânsito) têm o objetivo de oferecer “condições mínimas de segurança para o transporte de criança”, diz o órgão. Mas não é somente pela obrigatoriedade que os pais devem cumpri-las, é preciso conscientização de que se trata de um ato de amor, garantir a segurança dos filhos no trânsito. A advogada Flávia Vannucci é mãe de Emanuella (3) e comenta que “Fazer do tranporte adequando das crianças um hábito é uma forma fácil de demonstrar nosso amor e zelo pela vida. Além de evitar que os pequenos alcancem a parte da frente do carro e os protejam contra os impactos de uma eventual colisão. É preciso ensinar”, comenta. Existem três tipos de assentos de acordo com a Resolução do CONTRAN que funcionam da seguinte maneira: crianças de até um ano de idade deverão ser transportadas no equipamento denominado conversível ou bebê conforto. Crianças entre um e quatro anos em cadeirinhas. De quatro a sete anos e meio devem viajar em assentos de elevação. Em termos de segurança, mais que a idade, o que interessa é o peso e a altura do seu filho. O Bebê Conforto é adequado para bebês de até 9 kg e deve ser colocado de costas para o banco da frente do carro. A Poltrona Reversível serve para crianças de até 16 kg ou mais, dependendo do modelo. E o Assento de Elevação (BOOSTER) deixa a criança mais alta para usar o cinto do próprio automóvel. Segundo dados do SUS (Sistema Único de Saúde), 573 crianças de 0 a 4 anos morreram por acidentes de transporte no Brasil em 2005. Por esse motivo, os pais precisam se conscientizar da importância desse ato e saber qual o produto ideal para cada criança. Na hora da compra, é bom ficar atento a diversos aspectos importantes como comenta a gerente da Loja Oba! Bebê & Brinquedos, Adriana Arenhart “Os pais devem exigir o selo do Inmetro, pois este garante que o produto está em conformidade e oferece a segurança necessária, quesito indispensável de qualidade; ficar de olho na relação peso x altura da criança, item determinante na escolha correta; ler atentamente o manual de instrução e tirar as dúvidas com um consultor preparado para prestar informações adequadas sobre o uso correto do produto”. Outro ponto a ser levado em consideração é a instalação adequada da cadeirinha, pois assim garante-se o resultado eficaz, e para isso é preciso tomar cuidados, diz Adriana “Os pais devem observar se a cadeirinha está realmente firme no banco do carro, sem folga e, se o cinto de segurança [3 pontas] do veículo foi passado corretamente pelos locais indicados. Além disso, é importante saber que a cadeira de 9-13 kg, deve ser instalada de costas para o movimento do veículo, porque essa posição protege o pescoço do bebê em caso de impacto. Antigamente a orientação era para que a poltrona fosse virada para a frente quando o bebê completasse 1 ano e atingisse 9 kg, mas atualmente fabricantes e especialistas recomendam que se mantenha a criança virada para trás pelo máximo de tempo possível (até o limite de peso de cada modelo). Cadeiras de 9 a 25kg devem ser voltadas para frente, assim como os assentos de elevação(boosters). Os preços variam muito conforme o modelo e a marca de cada produto, isso acontece devido a itens de fabricação, por exemplo: “temos algumas cadeiras que são revestidas com tecido inteligente, isto é: anti-transpirante e que mantém a temperatura ideal para a criança”, comenta a gerente. E para saber mais informações sobre as cadeirinhas e o diferencial de cada marca, é só entrar em contato com a Oba! Bebê & Brinquedos pelos telefones (41) 3077-9453 e (41) 3029-7453.
Artigo anterior

Adaptação no Berçário

Artigo seguinte

Proteção! Um gesto de responsabilidade – Vacinas